Notícias

26 / nov

10 sintomas do câncer de próstata

Quando uma mutação genética nas células da próstata (importante glândula do sistema reprodutor masculino, responsável pela produção e armazenamento do fluido seminal) leva a um comportamento reprodutivo excessivo e anômalo, ocorre a formação de um tumor e caracteriza o quadro de câncer de próstata. Este é o tipo de tumor mais comum entre homens com mais de 50 anos – estima-se que 1 a cada 6 homens nesta faixa etária será diagnosticado. O grupo onde há maior incidência deste quadro é o dos homens acima dos 65 anos, sendo uma doença rara antes dos 40. Além da idade avançada, outros fatores como sedentarismo, dieta rica em gorduras, desequilíbrios hormonais e histórico familiar da doença aumentam a propensão ao quadro.

 

Dados do instituto Nacional do Câncer (INCA) estimam que o número de diagnósticos de câncer de próstata em 2019 deve exceder a marca de 68 mil pacientes e que este é o segundo tumor maligno que mais faz vítimas entre a população masculina. São números alarmantes como estes que inspiram o Novembro Azul, campanha que informa e conscientiza a respeito do diagnóstico e tratamento precoce para o câncer de próstata. Como se trata de uma doença que dificilmente pode ser evitada através de cuidados preventivos específicos, é de grande importância estar a par de seus principais sintomas para que qualquer anormalidade na saúde masculina seja diagnosticada com antecedência. Confira agora os 10 sintomas clássicos do câncer de próstata e saiba quais sinais do corpo devem despertar sua atenção:

 

  1. MICÇÃO FREQUENTE

 

Nos estágios iniciais, é bem comum que o câncer de próstata não demonstre qualquer sintoma (o que aumenta a importância do exame de toque preventivo anual). Um dos primeiros sinais apresentados costuma estar relacionado ao aumento da necessidade de fazer xixi, ocasionado pelo pressionamento da próstata pelo tumor em desenvolvimento. 

 

  1. ALTERAÇÕES NO RITMO URINÁRIO

 

Além de urinar com mais frequência, o paciente com câncer de próstata logo percebe alterações em seu jato de urina, com dificuldade acentuada para começar e parar de urinar. O jato também tende a ficar mais fraco, sintoma também decorrente da pressão exercida pelo tumor alojado na próstata.

 

  1. SENSAÇÃO DE NÃO CONSEGUIR ESVAZIAR A BEXIGA

 

Um dos incômodos que costuma levar à investigação de um possível câncer de próstata é a constante sensação de que há um pouco de urina restando na bexiga e que não é possível eliminá-lo, ainda que o paciente vá ao banheiro com grande frequência. Novamente, este desconforto urinário é originado pelo crescimento do tumor na região da próstata.

 

  1. SANGUE NA URINA

 

A aparição deste sintoma leva o quadro a um novo grau de evolução, e costuma ser diante desta evidência que os pacientes começam a investigar se há algo de irregular na saúde de seus corpos. Inicialmente, podem haver apenas traços de sangue na urina e, com o passar do tempo, o sangue vai se tornando mais presente.

 

  1. SANGUE NO SÊMEN

 

A presença de sangue no fluido seminal nem sempre está relacionada ao câncer de próstata (também pode ser indicativo de uma doença sexualmente transmissível ou de prostatite, por exemplo). Em todos os casos, este sintoma deve ser avaliado por um profissional da saúde.

 

  1. DOR AO EJACULAR

 

Desconforto ou sensação de dor ao liberar fluido seminal pode ser sinal de câncer de próstata, em decorrência da pressão exercida pelo tumor na região da próstata. É importante monitorar a frequência e a intensidade deste sintoma.

 

  1. DISFUNÇÃO ERÉTIL

 

Configura um quadro de disfunção erétil quando há dificuldade de manter a ereção peniana em mais de 50% das tentativas. Este sintoma também não é necessariamente relacionado ao câncer de próstata – mas quando é, sinaliza um estágio mais avançado da doença. De qualquer maneira, deve ser investigado quando detectado.

 

  1. DOR NAS COSTAS

 

A dor nas costas é um sintoma bastante amplo, mas quando ocorre em paralelo a alguns dos outros sintomas citados anteriormente, deve despertar a suspeita de câncer de próstata. Quando relacionada a este quadro, costuma indicar o início do processo de metástase e o tratamento deve ser iniciado com urgência.

 

  1. DORES ÓSSEAS

 

Dores crônicas em outras regiões além das costas, como quadris, coxas, joelhos e até ombros podem ser indicativos de que o câncer de próstata está se alastrando para outras regiões do corpo. Se outros sintomas descritos anteriormente já foram detectados, é necessário investigar.

 

  1. FRAQUEZA NOS MEMBROS INFERIORES

 

Fraqueza e sensação de dormência nas pernas e pés é um sintoma comum em quadros avançados de câncer de próstata, onde o tumor já está bem desenvolvido e em possível estado de metástase. Em geral, aparece combinado a outros sintomas descritos acima.

 

Para manter-se sempre prevenido contra o câncer de próstata, a melhor opção é a realização anual do exame de toque retal, onde o médico avalia a textura, o formato e o tamanho da próstata e identifica precocemente qualquer anormalidade, antes mesmo dos sintomas se manifestarem. Coloque sua saúde em primeiro lugar e não deixe de realizar o exame de toque.

Deixe seu comentário